Projeto Jacutinga/Aves Cinegéticas

Aves cinegéticas são alvo intenso de caça, tanto para alimentação quanto para esporte. Por esse motivo, são importantes indicadoras da pressão de caça em uma determinada região. Dentre as famílias de aves mais perseguidas pelos caçadores estão os Cracídeos (jacus, jacutingas, aracuãs e mutuns) e os Tinamídeos (macucos e inhambus).

Jacutinga (Aburria jacutinga) Foto: Arthur Grosset

Jacutinga (Aburria jacutinga)
Foto: Arthur Grosset

A família dos cracídeos é uma das mais ameaçadas de extinção, por conta da forte pressão de caça que essas aves sofrem, fazendo com que muitas delas estejam contempladas nas listas oficiais (global, nacional e regional) de animais ameaçados de extinção.

Considerando-se a grande ameaça que essas espécies vêm sofrendo ao longo dos anos e com grandes reduções populacionais como é o caso da Jacutinga (Aburria jacutinga), extinta localmente em diversas localidades, a SAVE Brasil iniciou em 2010 o Programa para a Conservação das Aves Cinegéticas do Alto da Serra do Mar em São Paulo.

 

Fase II

O objetivo da fase II, iniciada em 2014, é  implementar um programa de reintrodução e monitoramento de Jacutinga (Aburria jacutinga) baseado na pesquisa científica, educação e articulação com órgãos de fiscalização ambiental.

 

 Principais resultados

  • Protocolo de Soltura de Jacutingas;
  • Realização de censo populacional de cracídeos e tinamídeos em São Francisco Xavier/SP;
  • Construção de viveiro de reabilitação em São Francisco Xavier/SP e reforma de viveiro em Cachoeiras de Macacu/RJ;
  • Levantamento de Fauna próximo a área do viveiro de reabilitação construído em São Francisco Xavier;
  • Transferência de 12 jacutingas do Centro de Conservação de Aves Silvestres (CCAS) da Companhia Energética de São Paulo (CESP) ao viveiro de reabilitação para ambientação, avaliação comportamental, socialização, treinamentos alimentares, de voo e reconhecimento de predadores antes da reintrodução das jacutingas na natureza;
  • Soltura de 09 jacutingas na região da Serra da Mantiqueira;
  • Monitoramento de 09 jacutingas através de transmissores via satélite, idas a campo e através da participação da comunidade local incentivando a prática de observação de aves.
  • 41 atividades educativas realizadas próximas as áreas de soltura das jacutingas através de palestras e jogos lúdicos envolvendo 1196 pessoas;
  • Guia de Práticas e Saberes com a Natureza para capacitação de professores;
  • 09 oficinas de capacitação realizadas para 102 professores em 06 escolas municipais na região da Serra do Mar, 01 escola estadual em São Francisco Xavier, 1 escola municipal em São Francisco Xavier e professores de ciências da rede municipal de ensino de Caraguatatuba;

 

 

Fase I

A Fase I do programa foi desenvolvida na região de Paraibuna/SP e três linhas de ação foram desenvolvidas para a conservação das aves cinegéticas, tais como: pesquisa científica, educação e disseminação e articulação com os órgãos de fiscalização.

 Principais resultados

  • 160 km de transecções em diferentes setores do PESM-NC (Parque Estadual da Serra do Mar – Núcleo Caraguatatuba) com 77 registros de 7 espécies de aves cinegéticas com estimativa de abundância variadas: inhambu-guaçu (Crypturellus obsoletus) (0,166 contatos/km de transecção), macuco (Tinamus solitarius) (0,249), uru (Odontophorus capueira) (0,013), jacus (Penelope superciliaris) (0,006e (P. obscura) (0,026);
  • Apenas um avistamento de jacutinga (Aburria jacutinga) durante todo o trabalho, indicando que a população local de jacutingas está bastante depauperada na região e que o reforço populacional é crucial;cinegeticas
  • Curso de capacitação de professores do Ensino Fundamental I, envolvendo 80 professores em 12 oficinas;
  • Festival Mundial das Aves envolvendo cerca de 2.100 participantes;
  • Distribuição de 2.100 exemplares do almanaque infantil sobre a Jacutinga e a preservação da floresta;
  • 480 pré e 168 pós-testes aplicados para avaliar a efetividade das ações de educação;
  • Engajamento de órgãos fiscalizadores locais (Polícia Ambiental e guardas-parque do Parque Estadual da Serra do Mar).

 

Saiba mais sobre a jacutinga clicando aqui. 

 

Organizações parceiras

ICMBio APA Mananciais do Rio Paraíba do Sul, Secretaria Municipal de Educação de Paraibuna e Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).

Apoiadores

Petrobras, Fundação Grupo Boticário e CESP (Companhia Energética de São Paulo).

 

TORNE-SE UM AMIGO DA SAVE BRASIL E CONTRIBUA PARA A SOLTURA DE MAIS JACUTINGAS E COM O MONITORAMENTO DAS QUE JÁ FORAM SOLTAS!