Programa Áreas Importantes para a Conservação das Aves – IBA

O Programa Áreas Importantes para a Conservação das Aves (Important Bird Area – IBA) visa identificar, monitorar e proteger uma rede de áreas críticas para as aves e a biodiversidade em geral. Faz parte da estratégia mundial da BirdLife International e cerca de 12.000 IBAs já foram identificadas até o momento em 200 países.

Atualmente as Nações Unidas reconhecem as IBAs como indicador-chave dentro dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio com a finalidade de Garantir a Sustentabilidade Ambiental.

O mapeamento das IBAs existentes nos diversos biomas brasileiros é uma ferramenta prática que vem sendo utilizada por órgãos públicos, privados, comunidade científica e sociedade civil para subsidiar investimentos, projetos e campanhas de conservação. Essas informações têm contribuído para importantes avanços na proteção do patrimônio natural brasileiro, entre os quais estão a criação de unidades de conservação, a elaboração e implementação de planos de conservação e manejo de aves ameaçadas e a definição com o governo de áreas prioritárias para a biodiversidade.

Em 2006, a SAVE Brasil publicou o livro Áreas Importantes para a Conservação das Aves no Brasil: Parte 1 – Estados do Domínio da Mata Atlântica. Apesar de enfocar o bioma Mata Atlântica, o trabalho considerou a totalidade do território de cada estado, incluindo assim áreas de Caatinga, Cerrado e Pampa.

A segunda e última parte do estudo de mapeamento das IBAs no Brasil foi concluída em Dezembro de 2009 com a publicação do livro Áreas Importantes para a Conservação das Aves no Brasil: Parte 2 – Amazônia, Cerrado e Pantanal, que identificou 74 IBAs nos estados das regiões Norte e Centro-Oeste e no Maranhão.

 Mapeamento das IBAs no Brasil

  • 237 IBAs identificadas em todo o País:
    • 69% das áreas (163 IBAs) localizadas no Domínio Mata Atlântica.
    • 31% das áreas (74 IBAs) situadas na Amazônia, Cerrado e Pantanal.
  • Cerca de 83% das espécies de aves ameaçadas de extinção no Brasil ocorrem no domínio da Mata Atlântica.
  • 11% do Território Brasileiro é coberto por IBAs (94 milhões de hectares).
  • A maior IBA do mundo, Tabocais, está no Brasil e ocupa parte dos estados do Acre e Amazonas. Tem 7,3 milhões de hectares e abriga 1 espécie de ave ameaçada de extinção, a maracanã-de-cabeça-azul (Primolius couloni).
  • A menor IBA do Brasil fica em Pernambuco. Denominada Mata do Estado, tem apenas 600 hectares e abriga 7 espécies de aves ameaçadas de extinção.

 

Clique nos livros para baixar suas versões eletrônicas:

Livro Áreas Importantes para a Conservação das Aves – PARTE I


Livro Áreas Importantes para a Conservação das Aves – PARTE II

 

Para baixar os shapefiles, leia as condições abaixo antes de prosseguir:

Os shapefiles devem ser utilizados em conjunto com as publicações acima (Livros IBAs Partes I e II).

As informações disponibilizadas nos shapefiles pertencem a SAVE Brasil e são protegidas pela legislação nacional e internacional de direitos autorais, devendo ser tratada como qualquer outra obra protegida pelo direito autoral.

Fica proibida qualquer alteração, adaptação ou reordenação da forma de expressão da estrutura da base de dados em referência, nos termos do artigo 87 da Lei 9.610/98.

Sempre que o dado for utilizado, a SAVE Brasil deve ser citada como fonte original dos dados, nos seguintes termos:

Fonte: SAVE Brasil, 2009

Clique aqui para baixar os shapefiles das IBAs