Projeto Saíra-apunhalada

A região centro-sul serrana do Espírito Santo abriga importantes remanescentes de Mata Atlântica, onde vive uma grande diversidade de plantas e animais. A região é considerada pela BirdLife International e SAVE Brasil como uma ‘Área Importante para a Conservação das Aves’ (Important Bird Area – IBA) de atuação prioritária, sendo habitada por mais de 250 espécies de aves, 6 globalmente ameaçadas de extinção, entre elas a saíra-apunhala (Nemosia rourei), espécie de extrema raridade e restrita a matas bem preservadas.

Saíra-apunhalada (Nemosia rourei). Ciro Albano

A ave permaneceu desaparecida por mais de 50 anos e já era considerada extinta na natureza por muitos pesquisadores até que, em 1998, foi redescoberta em um fragmento florestal na região serrana do Espírito Santo. Em 2003, foi registrada em uma área vizinha e desde então vem sendo observada apenas nesses dois locais.

A SAVE Brasil atua desde 2005 para assegurar a conservação das florestas das quais a saíra-apunhalada depende para sobreviver. Inicialmente as ações foram focadas no estudo da biologia básica dessa espécie, e em 2010 os esforços foram direcionados à para a criação de uma unidade de conservação que proteja o habitat da espécie. Nesse sentido a SAVE Brasil, em parceria com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Espírito Santo e o Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos, desenvolveu o projeto “Proteção da Mata Atlântica na Região Serrana do Espírito Santo: Caetés – Prioridade para a conservação de espécies endêmicas e ameaçadas de extinção”. Seu objetivo foi a elaboração de uma proposta detalhada para a criação de uma unidade de conservação estadual na região entre os municípios de Conceição do Castelo e Vargem Alta. A conclusão do estudo foi para a proposta de criação de um Refúgio de Vida Silvestre com cerca de 4.300 hectares. Em abril de 2016 ocorreram as consultas públicas para criação do refúgio, mas o decreto oficial ainda não foi publicado. Paralelamente a SAVE Brasil vem apoiando iniciativas de criação de reservas privadas na região

Com recursos do Programa PEP (Preventing Extinctions Program) da BirdLife International, entre 2013 2015, a SAVE Brasil desenvolveu ações com o objetivo principal de promover a observação de aves e o ecoturismo nas matas da região de Caetés, usando a saíra-apunhalada como espécie bandeira.

Principais resultados

  • Elaboração, em parceria com o IEMA, dos estudos fundiários, socioeconômicos, físicos e biológicos para a criação de uma unidade de conservação na região de Caetés, entre o Parque Estadual de Pedra Azul e P. E. do Forno Grande.
  • Articulação junto ao Ministério do Meio Ambiente, Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEAMA) e Instituto Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (IEMA) para a criação do Corredor Ecológico da Saíra-apunhalada, que em junho de 2010 foi reconhecido pelo governo do estado como prioritário para a conservação da biodiversidade do Espírito Santo, por meio do Decreto nº 2529-R.
  • Realização de estudo sobre a ecologia da saíra-apunhalada que em 2006 conquistou o primeiro lugar, na categoria Pesquisa, do “Prêmio Ecologia”, uma iniciativa organizada pelo Governo do Espírito Santo, por meio da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEAMA).
  • Elaboração de um estudo do potencial socioeconômico da observação de aves na região de ocorrência da saíra-apunhalada.
  • Organização em parceria com o SEBRAE – ES do workshop: O Turismo da Observação de Aves na Região Serrana do Espírito Santo e sua Interface com a Conservação da Biodiversidade e a Geração de Renda, realizado em Vitória-ES.
  • Divulgação da importância da conservação da saíra-apunhalada durante a feira de observação de aves (AVISTAR – ES).

Apoiadores

American Bird Conservancy, British Birdwatching Fair, Funbio, Banco de Desenvolvimento da Alemanha- KfW, Ministério do Meio Ambiente, BirdLife International e Mohamed bin Zayed Species Conservation Fund.

 

TORNE-SE UM AMIGO DA SAVE BRASIL E CONTRIBUA COM A CONSERVAÇÃO DA SAÍRA-APUNHALADA!