Rolinha-do-planalto é beneficiada pela criação do Parque Estadual de Botumirim

Rolinha-do-planalto é beneficiada pela criação do Parque Estadual de Botumirim

Notícia fantástica para a conservação da rolinha-do-planalto. O Parque Estadual de Botumirim é agora realidade e seus 36 mil hectares protegem toda a população conhecida da espécie. A criação da reserva particular e de um parque estadual eram grandes objetivos, agora atingidos pelo projeto.

Entre as muitas ameaças à biodiversidade, a perda de habitat é a maior delas. A equação é simples, sem habitat próprio, grande parte das espécies simplesmente caminham para a extinção. Assim, a primeira resposta deve ser a proteção destes ambientes. Uma consulta a um livro sobre a Biologia da Conservação deixará claro que uma das primeiras e mais efetivas formas de conservar a biodiversidade é a criação de áreas protegidas.

O primeiro objetivo do projeto da rolinha-do-planalto foi a criação da Reserva Natural Rolinha-do-planalto com 593 hectares, em caráter emergencial, para proteger o ambiente único em que a espécie vive.

Botumirim, contudo, tem uma rica biodiversidade, beleza cênica, histórica e arqueológica. Estes atributos conferem a região grande apelo turístico, além da importância regional para a conservação dos recursos hídricos.

Por isso o Instituto Grande Sertão de Montes Claros buscava a criação do Parque Estadual de Botumirim desde o ano de 1999. A redescoberta da rolinha-do-planalto na região e a implantação do projeto da SAVE Brasil trouxeram novamente o foco para a necessidade de se proteger legalmente esta região, já preservada pela população local.

O parque se tornou realidade no dia 4 de julho de 2018 e contou com intenso trabalho do Instituto Estadual de Florestas de Minas Gerais. Os quase 36 mil hectares representam a importância que Botumirim tem para a conservação na natureza no cenário nacional, principalmente da rolinha-do-planalto, além de ampliar a vocação turística da região.

O projeto rolinha-do-planalto tem o apoio da Rainforest Trust, Fundação Grupo Boticário, do Critical Ecosystem Partnership Fund e do The Mohamed bin Zayed Species Conservation Fund.

criacao_parque_estadual