Novos rumos da observação de aves em São Paulo

Novos rumos da observação de aves em São Paulo

Observar aves é uma atividade que vem ganhando muitos adeptos no Brasil, e o Projeto Cidadão Cientista segue no rumo de contribuir para que pessoas se iniciem nessa atividade de lazer que ajuda a conhecer a conservar as aves.

O projeto, que teve início em Unidades de Conservação, vem ganhando espaço e iniciando atividades em outras localidades. Apenas no estado de São Paulo, mais duas cidades puderam participar do projeto no mês de novembro. Em São Francisco Xavier (distrito de São José dos Campos), as atividades da SAVE Brasil, que começaram em julho, já tiveram a participação de mais de 60 pessoas, além de ter trazido um retorno positivo e gratificante. Em Itu, em parceria com a Brasil Kirin/SOS Mata Atlântica, a caminhada para observação de aves durou duas horas e o pessoal ainda pôde desfrutar de um delicioso café da manhã servido pela instituição parceira e uma palestra para entender um pouco mais sobre a importância do cidadão cientista.

15194418_1242127952492055_3279840591581260363_oE não para por aí! A SAVE Brasil se juntou à Fundação Florestal, ao Observatório de Aves do Instituto Butantan (OA-IBu) e ao AVISTAR para lançar, em outubro, o #vempassarinharSP com o objetivo de promover a observação e o monitoramento de aves nas Unidades de Conservação e Parques Urbanos do estado de São Paulo. A atividade de lançamento foi no Parque Estadual de Campos do Jordão, mas em novembro a Estação Ecológica de Caetetus foi o parque contemplado devido a comemoração dos seus 40 anos.

É claro que outras regiões do país também participam das atividades do Projeto Cidadão Cientista. No Rio de Janeiro também temos importantes parceiros do COA-RJ e o professor Henrique Rajão, que guiam os grupos nas caminhadas que acontecem todos os meses, alternando entre o Parque Nacional da Tijuca e o Jardim Botânico.

A ideia é que as atividades contribuam para o estabelecimento de uma conexão entre os técnicos /pesquisadores e a sociedade amante da natureza, e que, seguindo o conceito de Ciência Cidadã possamos juntos gerar dados e conhecer mais sobre a nossa avifauna.

É possível saber antecipadamente todas as atividades abertas ao público que estão previstas, basta consultar o Calendário Birding Brasil ou acompanhar a página no Facebook da SAVE Brasil.

A SAVE Brasil tem outros projetos de conservação das aves e a participação da população é essencial para que os projetos consigam efetivamente proteger as espécies, que são um patrimônio de todos.