Águia-cinzenta é registrada durante visita técnica da SAVE Brasil e ABC

A águia-cinzenta (Urubitinga coronata) é uma ave classificada como Em Perigo de Extinção (EN) pela IUCN,devido principalmente a uma população pequena e fragmentada, sendo que alguns dados ainda sugerem que a população continua reduzindo.

Águia-cinzenta. Bennett Hennessey

Águia-cinzenta. Bennett Hennessey

A espécie ocorre na Bolívia, Paraguai e Argentina. No Brasil essa águia tem uma ampla distribuição do Maranhão à Bahia ao oeste do Mato Grosso até o Rio Grande do Sul. Os registros foram feitos principalmente no Cerrado e Mata Atlântica do Sudeste, com alguns no Pampa. Devido também a sua alimentação baseada em animais de pequeno porte como mamíferos, aves, répteis, peixes e carniças, essa ave prefere áreas abertas para capturar suas presas. No entanto, no Brasil o seu habitat tem sido rapidamente destruído pelo intenso uso da terra com agricultura, pecuária, desmatamento, pastagem, uso intensivo de pesticidas e queimas anuais.

No estado de São Paulo a espécie já foi registrada na região oeste e em alguns pontos da Serra da Mantiqueira. No dia 11 de março, dois representantes da American Bird Conservancy (ABC), Bennett Hennessey e Daniel Lebbin, junto com Pedro Develey da SAVE Brasil registraram um indivíduo da espécie em Guararema durante uma visita.
Os pesquisadores da ABC relataram o encontro do espécime como sendo um indivíduo jovem que estava pousado numa árvore morta na estrada. O jovem vocalizou e decolou devido a um ataque de um gavião-de-cauda-branca (Geranoaetus albicaudatus) e os dois se encontraram em voo. Todos aproveitaram para observar e registrar esse momento tão raro. O relato completo e fotos desse encontro estão disponíveis na lista do eBird.

Guararema é uma cidade do Vale do Paraíba em São Paulo que ainda preserva alguns fragmentos de Mata Atlântica e o registro dessa espécie pode ser um indício de que a região ainda preserva espécies importantes para a manutenção da biodiversidade.

Bennett